Como Diagnosticar a Calvície?

Notou perda dos fios com mais frequência? Gostaria de diagnosticar a calvície? Veja sobre esse assunto hoje.

Existem diversas formas de saber se tem calvície ou não e se há fatores genéticos envolvidos.

O chamado tricograma é um exame por microscópio de luz que permite verificar o problema, permitindo assim, diagnosticar a calvície.

No caso das mulheres, pode excluir sinais de hiperandrogenismo e possíveis causas sistémicas.

O Que é Alopecia Androgenética?

diagnósticar a calvície

 Alopecia Androgenética é um tipo de perda de cabelo que pode afetar tanto homens como mulheres. Embora esse problema seja mais comum nos homens.

Alopecia Androgenética pode surgir por dois fatores que influenciam, os quais são:

  • O papel de andrógenos ou hormônios masculinos;
  • Fatores hereditários;

Também pode ter origem em questões relacionadas com a deterioração dos mecanismos moleculares associados a estes hormônios, segundo alguns especialistas no assunto.

Quais os Sintomas Associados? Como Diagnosticar a Calvície?

 No caso das mulheres, deve-se examinar se Alopecia Androgenética, obrigatoriamente.

Isso porque está associada a outros sintomas ou sinais de dependentes estados andrógeno como:

  • Acne
  • Seborreia
  • Distúrbios menstruais

A perda de cabelo ou, Alopecia Androgenética é lenta e gradativa. Sendo que o ciclos de crescimento são reduzidos, o mesmo cabelo cai mais frequentemente.

Para se entender melhor o processo, os médicos fazem uma observação no paciente, verificam se há estágios mais avançados, caso seja comprovado, o tratamento recomendado é o transplante de cabelo pode ser uma alternativa prática e segura, trazendo resultados estéticos.

Diagnosticar a calvície é importante o mais cedo possível.

E tudo pode ser verificado quando um paciente apresenta um padrão de queda de difusa, progressiva, lenta e com o cabelo cada vez mais fino.

Um bom Dermatologista será responsável por confirmar o diagnóstico através da história clínica ou exame geral no cabelo.

Há uma forma de proceder para detectar a fonte do problema, através do chamado tricograma que é um exame por microscopia de luz e dermatoscopia.

O mais importante é estabelecer o tratamento e diagnóstico precoce.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Close