Laser contra calvície

O problema da calvície atinge muitas pessoas, a maioria delas, homens. Essas pessoas travam uma verdadeira guerra contra esse problema.

O que é Calvície

É um quadro de origem genética, estando associada à excessiva presença de testosterona, um hormônio masculino. Tal hormônio, quando em proporção desequilibrada, acaba provocando um afinamento dos fios e o atrofiamento dos bulbos capilares.

O que é usado contra a calvície

Hoje, se têm diferentes tipos de tratamentos para combater a calvície, mas acredita-se que é a combinação entre tratamentos o que torna realmente eficaz o combate ao quadro. Um tratamento que está cada vez mais sendo usado é o Laser. Mas também podem ser usados medicamentos orais e de uso tópico, além de aplicação de substâncias estimulantes.

O que dá mais certo, possivelmente, seja associar os medicamentos com a aplicação a laser. Então, mesmo esses tratamentos tendo um grande sucesso, os especialistas ainda têm opiniões divididas quanto a sua eficácia e se valem a pena.

Tratamento Clássico contra calvície

O tratamento clássico é feito com medicamentos tópicos ou orais e a sua eficácia chega a 70% nos pacientes, reduzindo a queda de cabelos e o ajudando no engrossamento dos fios, porém fica claro que com as novas terapias essa taxa de redução de queda aumente, mas ainda não se sabe o quanto.

Serenoa repens

É uma planta alternativa para ser usada contra a calvície. Normalmente, ela é utilizada no lugar da droga Finasterida, que é bastante popular para o combate ao problema da Calvície, já que impede a formação de hormônio DHT, derivado da testosterona  e que tem relação com a calvície de origem genética.

A droga Finasterida, porém, pode causar alguns efeitos colaterais. Cerca de 2% das pessoas que usam essa planta apresentam redução da libido e impotência.

Já a  Serenoa repens tem a mesma ação da Finasterida, mas, com ela, não há o risco de efeitos colaterais. A serenoa é um medicamento alternativo, porém a eficácia é mais por observação do que pelos estudos da ciência.

Laser contra calvície

Quando se usa o laser você tem uma aceleração na reparação celular, além de aumentar a circulação da área que o laser atinge ajudando no combate à queda dos fios e dermatite do couro cabeludo.

Combinação de tratamentos

Para alguns especialistas, a saída para se ter uma maior eficácia no tratamento contra calvície é a combinação entre os tratamentos, como por exemplo: de além do uso do laser agregar o uso de xampu que combatam a oleosidade, usar anti-inflamatórios para combater a dermatite seborreica. Um exemplo disso seria administração de minoxidil, que é um tratamento de uso tópico, e um tratamento fitoterápico (Serenoa repens).

A afirmação dos especialistas é que nenhum tratamento isolado, feito sozinho, tem eficácia, o mesmo serve para os novos tratamentos. Por isso, falam da impotência de fazer um “combo” de tratamentos, um a combinação, para aumentar as chances de haver a melhora do problema.

Fatores que podem causar a calvície

A calvície pode ter origem genética, nível elevado de estresse e uma grande quantidade de oleosidade no couro cabeludo também podem provocar o problema.

Testes para identificação de calvície

Mesmo tendo algumas causas evidentes, já existem testes de DNA que avaliam o peso da genética em cada caso no problema de calvície, ajudando ao médico responsável escolher o tratamento mais eficaz para cada caso, aumentando as chances dos resultados positivos já que o tratamento será muito mais específico. Porém, esse tipo de testagem ainda não tem unanimidade científica, apesar de se mostrar muito eficiente na hora de administrar um tipo de tratamento a ser feito no paciente.

 Como é feio o Teste para calvície

O teste de DNA para avaliar o peso genético de calvície é feito pela saliva. Ou seja, a saliva do paciente é coletada e no teste é mostrado a tendência da pessoa ter calvície, que pode se de nível baixo, médio ou alto de desenvolver calvície genética.

O teste custa em torno de 1300 reais, mas para quem não puder fazer o teste. Não há nenhum problema, o exame clínico feito pelo dermatologista é suficiente para o diagnóstico clínico como também para a escolha do tratamento.

Quando detectar o problema e começar o tratamento

Se você perceber que está com muita queda de cabelo consulte um médico o quanto antes, pois o diagnóstico precoce é o melhor remédio para combater a calvície. Começar o tratamento o quanto antes ainda é a melhor saída para esse problema.

Casos avançados de calvície

Muitas pessoas, que sofrem há tempos com casos avançados de calvície, muitas vezes já fizeram muitos tipos de tratamentos e nenhum deu certo. Por essa razão, a única saída pode ser fazer o transplante dos fios. O transplante é um procedimento cirúrgico, único comprovadamente de resultados expressivos.

Todos os outros tipos de tratamento deverão ser acompanhados por especialistas, pois dependendo dos fatores que a ocasionem, a queda do cabelo pode retornar. Para contribuir com uma melhora na aparência do problema da calvície, há uma série de produtos, de alta qualidade, que o mercado oferece. Certamente você encontrará o melhor para seu caso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Close