Como tratar calvície masculina e feminina

Quando você percebe que o seu cabelo está caindo muito e está muito fraco, você começa a se preocupar. Afinal, ninguém gosta de perder cabelo ou de ter aquele cabelo muito fino.

Por isso, nesse artigo, falaremos um pouco sobre os tratamentos que são possíveis fazer quando aparece a calvície. Aliás, a calvície pode aparecer tanto em homens quanto nas mulheres por diversos motivos diferentes, mas você pode evitar que o problema se agrave e até mesmo, dá um fim na calvície de uma vez por todas.

Quando a causa da calvície é de origem hereditária também existem tratamentos, mas nem tudo pode garantir a sua eficácia.

10 TRATAMENTOS CONTRA CALVÍCIE MASCULINA E FEMININA

 

Calvície masculina

A calvície masculina também conhecida como alopecia androgenética pode ocorrer em homens que já tenham casos de calvície na família.

Normalmente, a pessoa começa a desenvolver as famosas entradas na área da testa e não tem nenhum tipo de sintoma significativo, como coceira, dor ou inchaço.

A alopecia androgenética não tem uma cura definitiva, mas existem tratamentos que você pode recorrer para retardar o processo ou até mesmo parar esse processo. Nesse caso, as opções de tratamento são as loções de monixidil e os xampus de cetoconazol, mas a pessoa também pode optar por um transplante capilar ou por uma prótese capilar.

Calvície feminina

A alopecia androgenética também pode ocorrer entre as mulheres, mas existem diferentes entre os padrões de calvície masculina.

Se essa for à causa da calvície não necessariamente o mesmo tratamento utilizado para a calvície masculina vá fazer efeito nas mulheres. Porém, existem algumas alternativas que podem fazer efeito, como o minoxidil.

Perda de peso

A queda de cabelo associada a uma perda de peso brusca pode ser ocasionada por uma dieta radical ou por algum tipo de doença como o hipertireoidismo.

Se for por causa de uma dieta radical, o melhor seria voltar a sua dieta normal, pois com as dietas restritivas você não ingere os nutrientes necessários, fazendo com que o seu cabelo fique mais fraco e quebradiço.

Se a causa for por motivo de hipertireoidismo, por exemplo, a melhor opção é consultar o especialista para que ele receite um medicamento para o controle do hipertireoidismo. Assim, que a doença estiver controlada o cabelo voltará a crescer.

Falta de proteínas

Como o nosso cabelo é feito de proteínas é essencial que tenhamos uma dieta que contenha diferentes proteínas, pois com a sua falta o cabelo fica fraco e tende a ficar mais fino.

Por isso, sempre inclua na sua dieta proteínas de origem animal como carne, peixe, frango, leite, ovos, etc. Para os vegetarianos, tente compensar a ausência das proteínas de origem animal com soja, lentilha e feijão.

Nesse caso, não existe nenhum tratamento específico, pois assim que você ingerir a quantidade necessária de proteínas o seu cabelo vai voltar a crescer.

Falta de vitaminas do complexo B

As vitaminas do complexo B são importantes para o processo digestivo e no desenvolvimento muscular.

Se esse for o caso, a melhor opção é ir ao seu médico para que analise a necessidade de consumir algum tipo de suplemento ou então, de modificar o tipo de alimentação que você está tendo.

Banhos quentes

O cabelo fica muito ressecado quando é lavado em água quente, uma vez que a água quente deixa as cutículas abertas, podendo até causar irritação no couro cabeludo. A melhor opção nesse caso é mudar os seus hábitos.

Se não consegue tomar banho frio, lave o cabelo fora do banho, sempre com água morna ou fria, de preferencia fria, pois assim as cutículas do seu cabelo irão fechar retendo a sua hidratação natural. Na hora do banho quente, use uma touca na cabeça para evitar que o cabelo entre em contato com o vapor quente.

Excesso de força ao mexer no cabelo

Ao desembaraçar o cabelo não devemos e não podemos sentir dor. Se isso ocorrer, você deve estar usando muita força ao manuseá-lo e isso pode causar queda. Então, na hora de pentear o cabelo, sempre comece das pontas do cabelo e vá subindo até que chegue a raiz. Dessa forma, você evita uma grande tração.

Química muito agressiva

Hoje em dia, com a quantidade de tinturas, relaxamentos e alisamentos que temos nos salões fica difícil não fazer nada no cabelo. Independente de ser homem ou mulher é muito difícil encontrar alguém que nunca tenha feito nenhum tipo de procedimento químico.

Não há nenhum problema em recorrer a procedimentos químicos, o grande problema é quando esse procedimento não é feito da maneira adequada já que no momento que o procedimento está sendo feito a cutícula fica aberta, expondo demais o seu fio.

Além disso, é importante que você dê um tempo razoável entre uma química e outra além de ter muita atenção para as químicas que não são compatíveis.

Gravidez e pós-parto

Na gravidez o cabelo costuma ficar lindo, mas no pós-parto eles tendem a cair por causa da alteração hormonal. Nesse caso, só resta esperar que o seu corpo estabilize e seu cabelo volte a crescer.

Anabolizantes

Quem toma anabolizante para melhorar o desempenho atlético deve ter o acompanhamento de um profissional, pois a grande quantidade de anabolizante no organismo pode fazer com que desenvolva a calvície. Se isso ocorrer o tratamento é suspender o uso de anabolizantes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Close