5 procedimentos estéticos que podem causar queda de cabelo

Muitas pessoas gostam de fazer tratamentos que ajudam a melhorar a aparência. Mas parou para pensar que alguns desses procedimentos podem fazer com que seus cabelos fiquem mais finos?

Nesta postagem, iremos mostrar alguns procedimentos que podem causar a queda de cabelo. Confira:

5 procedimentos estéticos que podem causar queda de cabelo

1. Relaxamento capilar

O relaxamento capilar é um dos procedimentos mais tradicionais de alisamento de cabelos. E também um dos mais arriscados. É um processo químico que consiste em diminuir o volume dos fios, geralmente em cabelos cacheados, crespos ou afros. Ele reduz cerca de 90% do volume total, o que pode fazer com que haja casos que os cabelos se alisem totalmente, dependendo da fibra capilar da pessoa. Procurem observar se esse procedimento se encaixa para o formato do seu rosto, afinal é um procedimento caro e arriscado.

É considerado um dos melhores tratamentos que podem ser feitos com tranquilidade e delicadeza, mas quem for realizá-lo deve ter em mente que o profissional precisa ter um cuidado especial na hora de aplicar no cabelo.

Durante o procedimento, pode acontecer uma quebra parcial ou total dos fios. Se não for feito corretamente, poderá causar não apenas cabelos como mais frizz, além também de ocasionar a queda dos mesmos.

2. Selagem capilar

Esse é um tratamento à base de queratina, que tem como função fechar as cutículas do fio quando eles são danificados pela ação de alisamentos ou tintura. Ele dá aos cabelos o brilho e a maciez de volta.

Contudo, a selagem capilar utiliza formol, utilizado na escova progressiva para alisar o cabelo. Esse composto só pode estar em produtos capilares em até 0,2% de concentração. Acima dessa quantidade, o formol não passa dar o efeito desejado, causando também outros problemas como descamação do couro cabeludo e queda de cabelos.

Por isso, sempre leia as embalagens dos produtos que serão utilizados no tratamento capilar, veja se existem compostos como formaldeído ou poliformol. Todo cuidado é pouco, consulte sempre o nosso blog para manter-se informado.

3. Botox capilar

Botox capilar é o nome dado para o preenchimento de rugas do fio. É indicado para os cabelos que estiverem danificados pela ação do tempo e do ambiente.

Este procedimento deixa as pontas com as mesmas medidas, deixando os cabelos mais lisos, tirando as pontas duplas, os arrepiados e o volume. O resultado final é um cabelo liso, sedoso e brilhante.

Contudo, deve-se tomar cuidado na hora de aplicar o botox capilar, pois está ligado também à má utilização dos compostos, o que podem fazer com que hajam disfunções hormonais no organismo se não forem utilizados corretamente.

4. Escova definitiva

É um tratamento de alisamento de cabelo que consiste em passar nos cabelos o produto alisante conhecido como tioglicolato ou hidróxido de amônia. É considerada uma das alternativas à escova progressiva, que deixa os fios de cabelos alisados de forma definitiva.

Depois de lavar os cabelos e aplicar o produto, os cabelos são alisados com a ajuda de uma chapinha aquecida a 200º C, mecha por mecha, ajudando a realinhá-las.

O risco que esse tipo de tratamento traz aos seus cabelos é por conta do uso de chapinhas aquecido a temperaturas altas. Por ser um alisamento que altera os fios, a única forma de poder reverter os efeitos da escova definitiva é de simplesmente cortar os cabelos. Tenha sempre cuidado por onde estiver fazendo esses tratamentos. Como já dissemos, é necessário fazer um teste antes de qualquer procedimento químico em seus cabelos.

5. Escova inteligente

Pensado inicialmente para quem tem cabelos ondulados, mas que logo se tornou indicado para todos os tipos de cabelos, a escova inteligente faz com que os fios finos se tornem lisos. Se a pessoa tiver cabelo crespo, ele ainda oferece uma redução de volume no cabelo como um todo.

Qualquer tipo de embelezamento para os cabelos, antes de fazê-lo, vá ao seu dermatologista para não ter surpresas futuras, é de extrema importância, pois existem no mercado de cosméticos inúmeros produtos, ninguém melhor do que seu médico para orientá-lo.

Para fazer o alisamento, é utilizado o tioglicolato de amônia para depois aplicar a chapinha e o secador de cabelo.

Assim como a escova definitiva, são usados aparelhos capilares a altas temperaturas, o que pode comprometer e muito na estrutura dos fios de cabelo. Por conta disso, é importante você fizer intervalos de tempo para os seus cabelos se recuperarem dos efeitos do tratamento antes de fazer uma nova aplicação.

Sempre fique atenta aos produtos que os profissionais utilizam para realizar os procedimentos. Além disso, faça alisamentos de fios em estabelecimentos de confiança, com profissionais qualificados que fizeram treinamentos e estudaram para isso, e não se esqueça do teste numa pequena mecha do cabelo.

Esperamos que tenham gostado das orientações, afinal é importante termos informações qualificadas.

Gostou do nosso artigo? Que tal comentar para nós o que achou? Deixe o seu comentário logo abaixo e até breve, com mais dicas de procedimentos estéticos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Close