O que é tricodinia?

Como sabemos são inúmeros os casos de problemas que podem aparecer no couro cabeludo. Problemas que podem trazer até mesmo a queda de cabelo definitiva.

Então, hoje vamos conhecer mais um problema que pode aparecer no couro cabeludo. Vamos saber o que é tricodinia, como ela surge, quais danos traz e de que forma podemos tratá-la. Acompanhe.

O que é tricodinia?

Mas, afinal, o que é tricodinia?

Muitas pessoas sempre se queixam de coceira e ardência no couro cabeludo e muitas delas, por achar que é algo normal causado pelo suor ou por poeira ou coisa similar, deixam para lá e não procuram a ajuda de um profissional adequado, onde, muitas vezes, o quadro se agrava podendo se transformar em um problema maior.

O que essas pessoas não imaginam é de que se trata de um problema também chamado de síndrome da disestesia cutânea ou tricodinia.

Esse termo provém do grego que significa “dor nos cabelos”. Em palavras mais atuais do nosso português, significa irritação, ardência ou dor no couro cabeludo.

Todos os sintomas citados que esse problema pode trazer podem ser medidos por intensidade alta ou baixa, dependendo do estágio do problema em cada pessoa. Assim também como podem ser descritos como formigamentos, pontadas, ardência ou queimação.

Segundo pesquisa divulgada pela revista Dermatology em 2002 sobre o que é tricodinia, esse problema pode afetar duas vezes mais as mulheres que os homens. Outros sintomas como meu humor, depressão, ansiedade e queda de cabelos são frequentemente relatados por quem sofre desse problema.

Queda de cabelo causada pela tricodinia

Por serem sintomas conhecidos pelos especialistas, espera-se que a dor no couro cabeludo tenha associação direta com a perda dos fios. Justamente, essa relação tem sido estudada há muito anos pelos cientistas.

Para saber mais sobre o que é a tricodinia, um estudo realizado da década de 1960 já mostrava que a dor no couro cabeludo poderia sim desencadear a queda de cabelo. E estudos realizados mais tarde também afirmaram essa ligação. Constataram que a dor no couro cabeludo em 20% a 30% das pessoas era a causa de sua perda de cabelo.

Vamos observar os dados de uma pesquisa mais recente que foi realizada em 2013 que observou que de 248 pessoas com queda de cabelos a tricodinia foi observada em 29% delas.

Mas, apesar de terem comprovado que há sim associação entre a queda de cabelo e a tricodinia, o estudo não conseguiu definir um padrão específico de queda de cabelo ou perda para ela, que aumentou mais ainda os questionamentos sobre o que é tricodinia de fato.

A maioria dos casos de tricodinia está associada ao eflúvio telógeno, porém, problemas no couro cabeludo sensível também são associados ao  alopecia androgenética, alopecia areata e alopecias cicatriciais.

Em todo caso, esses problemas de dores no couro cabeludo parecem ocorrer queda de cabelo somente nos lugares dele onde somente há dores ou coceiras.

Assim, por serem problemas distintos, fica difícil estabelecer possíveis causas comuns para a queda e dor nessas condições.

Quais as causas de dor no couro cabeludo e queda de cabelo?

A causa da tricodinia é desconhecida e provavelmente se deve a múltiplos fatores. Devido a hipótese da associação de dores no couro cabeludo e da queda de cabelo, algumas pesquisas foram feitas para procurar identificar suas possíveis causas.

Por isso, um estudo feito em 2012 procurou identificar relacionando a queda de cabelo com a falta de nutrientes e de fatores hormonais. Porém, o resultado não comprovou essa hipótese.

No estudo não foi encontrada relação entre a tricodinia com a falta de vitaminas como zinco, ferro e vitamina B12 ou doenças da tireoide.

As dores que a tricodinia pode causar ainda não foram identificadas. O que é possível saber através de estudos são quais os agentes que podem levar a esse sintoma. Por exemplo, o estudo da Dermatology de 2002 mostrou que haviam vasos dilatados nas regiões onde as dores ocorriam ligando isso a tricodinia.

As razões para esse achado ainda não contêm as comprovações necessárias para ter certeza absoluta para que seja aceita essa tese de forma clara, mas sugere-se a participação do neuropeptídeo chamado substância P.

Essa substância P é um potente vasodilatador já descrito anteriormente por estudos que o relacionam à tricodinia, e maiores quantidades foram encontradas em áreas do couro cabeludo onde as dores permaneciam.

Porém, concluiu-se que essa substância faz com que os vasos sanguíneos fiquem dilatados nas áreas de maior dor para fechar a ligação entre tudo que foi observado nos estudos citados acima.

Queda de cabelo com dor no couro cabeludo: que fazer?

Para tratar a tricodinia, primeiro você deve saber o que ela é. Pois, seu tratamento é desafiador.

Então, a melhor forma de se chegar a um veredito ou até mesmo a um possível tratamento que traga bons resultados, nunca abra mão de ir a um bom profissional da área. Por outro lado a demora a chegar ao tratamento pode gerar comprometimento da qualidade de vida.

Muito obrigado por ler esse texto sobre o que é tricodinia no blog da JetHair? Deixe sua dúvida ou comentário para nós.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Close