Folha de goiabeira e calvície: quais efeitos para os fios?

Hoje, falaremos sobre folha de goiabeira e calvície. Você verá como esse elemento facilmente encontrado, dado pela natureza, traz benefícios para o couro cabeludo e fios de cabelo.

A verdade é que homens e mulheres de todas as faixas etárias no mundo sofrem com a perda de cabelo. Os fatores que contribuem para que isso ocorra são vários, como, por exemplo, uso inadequado de um cosmético antiqueda sem orientação especializada.

Folha de goiabeira e calvície: quais efeitos para os fios?

Outros hábitos que favorecem problemas de queda de cabelo são:

  • ser fumante;
  • não realizar higiene dos cabelos de forma correta;
  • ter alimentação cotidiana sem os nutrientes necessários de que o organismo precisa.

Esses costumes prejudicam não só os tecidos dos órgãos e da pele, mas também o sistema capilar.

Mas leia o que preparamos sobre folha de goiabeira e calvície, e veja se vale a pena investir nessa ideia.

Vitaminas, folha de goiabeira e calvície

A goiabeira é uma árvore típica da América do Sul, sendo cada vez mais utilizada por naturopatas em tratamentos para combater a perda de cabelo. As folhas dessa árvore são ricas em vitaminas como a B6, auxiliadora do crescimento dos fios e a B2, colaborando nos reparos de danos celulares.

Além das vitaminas, a fruta contém propriedades microbianas e adstringentes, as quais agem na limpeza do organismo. Além do mais, as folhas da árvore dessa fruta agem como anti-inflamatórios e analgésicos. Por isso, casos de doenças da região capilar que envolvam inflamação podem receber esse ‘apoio’ natural.

Entretanto, nunca se limite a tratamentos caseiros. Pensando em folha de goiabeira e calvície, nunca esqueça de ter a opinião de um médico especialista para que acompanhe o processo de seu sistema capilar.

Como fazer tratamento natural

Com um punhado de folhas em um litro de água limpa, faça uma infusão levando a mistura ao fogo por cerca de 20 minutos. Faça o procedimento com os cabelos já lavados, pois é importante que estejam limpos.

Aplique a água do preparo sobre a cabeça, certificando-se de que todo o couro cabeludo recebeu o líquido. Deixe agir por 3 ou 4 horas. Depois enxague bem, até que tenha saído todo resquício.

Esse procedimento pode ser feito uma ou duas vezes por semana. Contudo, se perceber que não houve mudança e a queda dos fios continua, não se apegue somente à ideia de tratamento de folha de goiabeira e calvície.

Alopecia androgenética, calvície que se desenvolve, principalmente, devido a uma alteração hormonal, muitas vezes só pode ter chance de ser regredida com tratamento tópico ou oral, mas sob prescrição médica.

Além disso, esse tipo de alopecia, quando está sob orientação de um médico especialista, tem maiores chances de apresentar resultados positivos o quanto antes.    

Para obter resultados positivos

Por mais que você tenha gostado do tema folha de goiabeira e calvície, o tratamento natural não fará milagres.

O estresse é um forte agente causador da perda de cabelo. Então, procurar práticas de meditação e relaxamento, fazer alguma atividade física e frequentar ambientes que lhe tragam prazer, sem dúvida, são atitudes que vão desviar sua atenção de problemas cotidianos, consequentemente, aliviando o estresse.

O seu corpo deve ter direito ao descanso. Então, não se esqueça de ter ao menos oito horas de sono por dia, hábito fundamental para que o cansaço das atividades diárias não tenha peso multiplicado.

A hidratação do corpo deve ser mantida. Portanto, beber de 1,5 a 2 litros de água por dia deve ser mais um hábito a se observar. 

Dar preferência a xampus orgânicos também é um conselho que deve ser levado em consideração, pois esse tipo de cosmético não agride os fios como xampus com parabenos.

Ajude as folhas da goiabeira com o hábito de massagear o couro cabeludo. Essa prática estimula a circulação sanguínea, promovendo o crescimento do cabelo.

Outros tratamentos para alopecia

Além de falarmos sobre folha de goiabeira e calvície, aproveitamos também para informar sobre os tratamentos com fármacos.

Um diagnóstico médico direcionará diferentes casos de alopecia de acordo com a sua causa, sendo de fundamental importância saber o que desencadeou a perda de cabelo.

No que diz respeito à alopecia androgênica, o tratamento pode ser contínuo ou não, seguindo o acompanhamento do médico especialista em calvície para que resultados positivos sejam obtidos.

Dois tratamentos costumam ser prescritos, um com Minoxidil e outro com Finasterida.

O tratamento com Minoxidil é tópico, considerado pelos médicos como único tratamento que realmente faz o cabelo crescer novamente. 

Já o tratamento com Finasterida é via oral e prescrito somente para homens. Entretanto, há queixas a respeito de seus efeitos colaterais, sendo um deles a baixa libido e disfunção erétil.

Por outro lado, a queixa não é totalmente consensual, variando de organismo para organismo e, dificilmente, há comprovações de que possa trazer problemas à atividade sexual dos homens.

A alopecia androgenética ocorre quando há uma perda de cabelo em decorrência de um excesso de hormônios masculinos, os andrógenos. É a causa de calvície mais comum, que, às vezes, ocorre muito cedo, por volta dos 18 anos.

Quanto mais cedo diagnosticada, menor o risco de perda irreversível dos fios de cabelo. Portanto, não hesite em fazer exames caso perceba uma queda excessiva. Se ainda tem dúvidas sobre uso de folha de goiabeira e calvície, deixe sua mensagem nos comentários para que   possamos responder.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Close