Auxina tricógena para calvície: uma boa opção?

A calvície é, sem dúvidas, um dos quadros relacionados à saúde dos fios mais conhecidos em todo o mundo.

Trata-se de um problema que afeta tanto homens como mulheres, embora eles sejam os principais afetados.

No mercado, é possível encontrar diversos produtos e procedimentos que prometem tratar, de modo efetivo, a calvície.

Dentre eles, destaca-se a auxina tricógena para calvície, um ativo capaz de combater o enfraquecimento e a queda dos fios decorrentes desse quadro.

Se você se interessou, atente-se às seguintes informações referentes ao uso da auxina tricógena para calvície. Boa leitura!

Auxina tricógena para calvície: uma boa opção?

O que é a Auxina tricógena?

A auxina tricógena é o nome dado a um fitocomplexo que possui intensa ação tônica quando aplicado no couro cabeludo.

Trata-se de uma substância capaz de propiciar o trofismo da raiz dos fios de cabelo, de modo a revitalizar as células presentes no couro cabeludo e nos folículos pilosos.

É composto a partir de extratos das plantas Tussilado forfara L. (Muccilagem), Achilea millefolium L. (Milefólio) e Cinchona officinalis (Quina).

A manipulação dessas plantas data de muito tempo e elas se apresentam como ótimas aliadas na prevenção e no tratamento de quadros de calvície.

Auxina tricógena para calvície: modo de uso

A auxina tricógena é uma substância ativa natural capaz de normalizar as trocas metabólicas e respiratórias que ocorrem na raiz capilar, garantindo a saúde dos fios e do couro cabeludo.

A ação desse ativo não altera a passagem das fases dos fios (anagênica, catagênica e telogênica), de modo que sua atividade respeita a continuidade do ciclo fisiológico dos fios, diferentemente da ação de substâncias consideradas estimulantes, como é o caso dos vasodilatadores e hormônios, popularmente utilizados para o tratamento de quadros de calvície.

Geralmente, a auxina tricógena para calvície é utilizada aliada a outros medicamentos ou substâncias, de modo complementar. Por exemplo, quando associada ao minoxidil, a ação das substâncias maximiza-se e garante completa eficácia no cuidado da calvície.

A auxina tricógena também pode ser utilizada em outras regiões, quando verificados problemas com o crescimento dos fios. No tratamento para o crescimento dos fios da barba, costuma ser associada à Avena sativa (óleo de aveia rico em antioxidantes, vitamina E e lipídeos).

Nesse contexto, é indispensável a orientação de um médico dermatologista, para que as propriedades e particularidades de seus fios sejam levadas em consideração na escolha do melhor tratamento.

Geralmente, os medicamentos que contêm auxina tricógena em sua composição apresentam-se na forma de spray. A aplicação do produto se dá por meio de borrifadas do líquido no couro cabeludo, preferencialmente à noite.

O próximo passo inclui massagear suavemente o couro cabeludo, utilizando as pontas dos dedos. Essa etapa garante não só a completa ação da substância no couro cabeludo, mas também a circulação sanguínea no bulbo capilar, promovendo uma nutrição extra aos folículos pilosos.

Efeitos positivos do uso de auxina tricógena para calvície

Promove o trofismo da raiz dos fios;

Possui função revitalizante;

Não altera o ciclo de vida dos cabelos;

Complementa a ação de outras substâncias;

Fortifica, hidrata e dá brilho aos fios; e

Pode ser utilizado tanto por homens como por mulheres.

Efeitos colaterais do uso de auxina tricógena para calvície

Foram verificados alguns efeitos colaterais decorrentes do uso da auxina tricógena para calvície. São eles:

Vermelhidão e irritação no couro cabeludo;

Crescimento de cabelos em outras regiões do corpo;

Coceira;

Pele seca;

Inflamações na pele;

Descamação do couro cabeludo;

Aumento de gordura na pele; e

“Aquecimento” na região na qual o produto foi aplicado. Trata-se de uma reação normal e esperada, pois a circulação local foi estimulada pela ação do produto.

Caso esses sintomas permaneçam, é imprescindível que um médico seja consultado.

Cuidados a ser tomados:

Se você está cogitando o uso da auxina tricógena para calvície, atente-se a essas importantes dicas:

Não deixe o produto escorrer na direção dos olhos. Caso ocorra, lave imediatamente a região com água;

Também fique atento com as regiões da testa e da nuca, pois essas devem ser lavadas com água e sabão em caso de contato com a substância;

Não deve ser utilizado por crianças, mulheres grávidas e lactantes;

Caso seja percebida hipersensibilidade ao produto, recomenda-se que sua aplicação seja interrompida. Nesse caso, procure um médico.

Conclusão de Auxina tricógena para calvície: uma boa opção?

Nesse artigo, reunimos as principais informações acerca da auxina tricógena, um composto ativo desenvolvido a partir da eficácia comprovada de três plantas.

Além disso, citamos os benefícios e possíveis efeitos colaterais decorrentes da ação da auxina tricógena para calvície.

Salientamos, aqui, a importância do acompanhamento com um profissional dermatologista de sua confiança, que possa analisar e compreender as necessidades de seus fios e indicar as mais adequadas intervenções.

Esperamos que tenham gostado e aprendido com nosso artigo. Caso tenham restado dúvidas, ou se você tem uma sugestão para nosso portal, não se esqueça de deixar seu comentário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Busca

Recentes

Arquivos


Close