Como própolis pode acabar com a calvície

A calvície é um dos problemas que mais incomodam a população em geral. A escassez, ou falta crônica dos fios de cabelo, pode gerar muito mais do que só desconforto com a própria aparência. Esta insatisfação pode evoluir para um problema mais grave de autoaceitação, que pode acabar se elevando para um patamar maior ainda: a depressão.

Para evitar que a queda aconteça ou repará-la de alguma forma, grande parte dos afetados tenta de tudo: compra os mais diversos remédios, utiliza os mais diversos cremes e loções… O único tratamento existente que é realmente uma solução definitiva é a implantação de fios, um por um, diretamente nos folículos capilares da região do couro cabeludo. Infelizmente, este ainda é um tratamento muito inacessível para um problema que afeta pessoas de todas as classes sociais.

Uma alternativa a esses tratamentos dispendiosos e exaustivos são as soluções homeopáticas. Recentemente, foi descoberto um novo aliado no combate à calvície que não é nada caro e é de fácil acesso a todos: o própolis. Mas antes de saber como a substância age no combate à calvície, vamos conhecer um pouco mais sobre este novo aliado?

O própolis

O própolis, diferentemente do que muitos pensam, não é de origem apícola. Ele é um hormônio, de origem vegetal, que tem uma função primordial na hora de cuidar da saúde das plantas. Ele protege os novos brotos contra o ataque de possíveis fungos e bactérias – como se fosse um anticorpo externo às plantas.

Esta proteção não passou despercebida pelas abelhas, que utilizam própolis como uma proteção em sua colmeia: retiram-no do interior das plantas quando estão recolhendo o pólen e o aplicam na parte externa de suas colmeias, vedando tudo contra quaisquer organismos invasores que possam querer roubar o seu mel.

Nós obtemos a maior parte do própolis que temos no mercado das colmeias das abelhas, onde se encontra em maior quantidade do que no interior das plantas. Geralmente, é misturado a outros ingredientes – como agrião, menta e mel – e utilizado quase sempre no combate a dores de garganta, gripe e afins.

O própolis no combate à calvície

No Japão, recentemente, foi realizado um estudo que constatou a importância que o própolis pode ter no combate à calvície. Ken Kobayashi, autor de toda a pesquisa, diz que os primeiros experimentos que foram realizados em cobaias animais apresentaram resultados muito positivos e que, por isso, logo serão realizados testes em cobaias humanas.

O própolis possui propriedades anti-inflamatórias que seriam as grandes responsáveis em fazer dele um produto homeopático que ajuda a combater a queda dos cabelos.

Os testes feitos em cobaias animais foram realizados da seguinte forma: ratos tiveram seus pelos raspados para que os pesquisadores pudessem testar a eficiência e influência do própolis no crescimento dos pelos que se seguiria. Os resultados foram muito animadores: as cobaias que receberam mais aplicações de própolis mostraram uma regeneração capilar muito maior do que as que não foram expostas à substância.

Este bom resultado se deu, segundo Kobayashi, porque o número de células participantes de todo o processo do crescimento capilar cresceu de forma amplamente significativa após as aplicações do própolis na pele dos ratinhos.

Como própolis pode acabar com a calvície

O próximo passo, obviamente, é a realização de testes em seres humanos para constatar se o efeito acontecido nas cobaias animais se repetirá nas cobaias humanas.

Agora, os pesquisadores esperam realizar testes em seres humanos para verificar se o própolis causará os resultados esperados.

Assim que os testes em humanos forem divulgados, se saberá com mais exatidão se o própolis realmente possui propriedades que auxiliam no crescimento capilar humano ou não.

Enquanto isso, nada te impede de começar a utilizar a substância. Por ser um produto natural, ele não possui contraindicações e pode ser incorporado no seu dia-a-dia, tanto de forma tópica como de forma oral – aqueles sprays que são facilmente encontrados em farmácias, sabe?

Além de não possuir quaisquer contraindicações, o própolis proporciona muitos benefícios já conhecidos e comprovados.

Gripe

O própolis é amplamente utilizado contra os resfriados, gripes e dores de garganta justamente pelas mesmas substâncias anti-inflamatórias estudadas na pesquisa. Essas propriedades têm ação antisséptica, antimicrobiana e combate os microorganismos causadores da doença e da inflamação.

Cárie

Algumas substâncias presentes na composição do própolis são muito eficazes contra a enzima causadora da cárie. Introduzir o própolis na sua rotina, acrescentando-o em forma de bochecho diário após higienizar os dentes é comprovadamente um método que reduz o problema ortodôntico.

Câncer

Estudos que foram realizados com o própolis há algum tempo comprovaram que a substância – que foi extraída dos arbustos de alecrim da região nordeste – conseguiram inibir consideravelmente o crescimento de tumores cancerígenos na região intestinal e pulmonar.

HIV

Pesquisas realizadas com um tipo de própolis brasileiro encontrado em Bagé (RS) mostraram resultados muito positivos em testes realizados contra o vírus HIV. Esse sucesso pode estar intimamente relacionado à presença do ácido morônico no própolis, que poderia ser capaz de inibir o crescimento do vírus.

Um tipo de própolis encontrado em Bagé (RS) apresentou resultados promissores em testes contra o vírus HIV. O sucesso dessa própolis pode estar relacionado à presença de ácido morônico na composição, que seria capaz de inibir o crescimento do vírus.

Você se interessou pelo própolis? Quer conhecer outros produtos de extrema qualidade que existem no mercado? Então, não deixe de pesquisar as excelentes opções que há por aí e elimine a calvície!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Close