5 erros na alimentação que ajudam na oleosidade capilar

Todos sabem que a alimentação é um elemento muito importante na saúde das pessoas, pois elas podem afetar de forma positiva ou negativa dependendo do tipo de alimento que você consumir. Eles são responsáveis para o funcionamento do seu corpo – o que inclui a saúde física e mental.

Por conta disso, a saúde dos cabelos também podem ser afetados caso haja erros na alimentação no dia-a-dia das pessoas. Por isso, vamos apresentar no artigo a seguir alguns dos erros na alimentação que as pessoas cometem que afetam diretamente a oleosidade capilar. Veja mais:

5 erros na alimentação que ajudam na oleosidade capilar

1. Excesso de consumo de carne

Embora eles sejam fonte de proteínas, o que ajudam bastante no crescimento e reparação dos fios de cabelo no couro cabeludo, consumir excessivamente carne pode fazer com que o corpo não consiga absorver de forma correta o ácido úrico, elemento presente na carne que é absorvido pela corrente sanguínea. Isso pode fazer não apenas que o cabelo fique com excesso de oleosidade,como também pode cair também.

2. Refrigerantes

Tido como uma das bebidas que devem ser evitadas para que se haja uma melhor qualidade de vida, os refrigerantes possuem um alto teor de sódio que pode afetar diretamente na produção de sebo no seu cabelo. Por conta disso, é necessário cortar o consumo de refrigerante para que não haja problemas envolvendo oleosidade de cabelos.

3. Açúcar

Consumir açúcar em excesso pode fazer com que no seu corpo tenha produção reduzida da Vitamina E, nutriente que ajuda os cabelos fazer com que os fios de cabelo cresçam mais forte e saudável, além de dar melhor elasticidade nos fios, porque ele interfere na proteína que vão para os cabelos. dentes e ossos.

A oleosidade pode acontecer por conta da irregularidade de distribuição do sebo dos fios de cabelo. Isso pode fazer com que a oleosidade dos fios de cabelo fique mais comprometida com o consumo excessivo de açúcar no organismo.

4. Alimentos ricos em gorduras

Um dos erros na alimentação que muitos se lembram de início, mas que é facilmente esquecido é o nível de consumo de açúcar no corpo. O açúcar, por conta da sua composição, poderia fazer com que o organismo fique com os níveis de nutrientes distribuídas de forma irregular. E isso pode incluir também o nível de oleosidade dos cabelos na hora de ser distribuído pelos vasos sanguíneos do couro cabeludo. 

Por causa disso, todos os especialistas da área da saúde recomendam maior moderação no consumo de alimentos ricos em gorduras – eles podem causar diversos problemas de saúde no corpo, especialmente se eles forem consumidos de forma excessiva. Sempre tenha moderação na hora de consumir os alimentos ricos em gorduras.

Alguns exemplos de alimentos que devem ser evitados para a saúde dos cabelos é de hamburger, creme de leite, salsicha e queijo.

Uma alternativa para quem não puder sem alimentos que levam óleo na sua composição é de procurar alternativas mais saudáveis para o preparo de alimentos. Existem várias comidas que são variações mais saudáveis na sua composição. Algumas vezes os nutricionistas podem dar dicas sobre como preparar comidas com menos óleo.

Só fique atento aos produtos ditos como light e diet, pois aparentemente eles possuem funções diferentes de acordo com o seu uso e composição. Alimentos light são feitos com ingredientes que contém níveis baixos de elementos como óleo e açúcar na sua produção, enquanto que os produtos diet são alimentos que são feitos com produtos voltados especialmente para pessoas que estiverem durante uma dieta, geralmente com ingredientes que são utilizados como substitutos de elementos calóricos, como o óleo de soja e açúcar refinado.

5. Sal

Um tempero comum a vários alimentos, mas que podem causar problemas se for consumido em excesso, o sal pode causar a oleosidade nos fios de cabelo se também não for administrada de forma correta. Geralmente uma pessoa normal perde cerca de 50 a 80 fios de cabelo por dia.

Porém, o consumo excessivo de sal pode fazer com que os fios de cabelo acabem caindo mais do que o normal. Por causa disso, a recomendação normal de consumo de sódio no corpo é de pelo menos meio colher de chá por dia.

O que fazer para combater a oleosidade dos cabelos?

Para que você não ficar com os fios de cabelo oleosos, você deve realizar a lavagem dos cabelos com produtos específicos para o seu tipo de cabelo. Shampoos para cabelos oleosos devem ser utilizados com muita cautela, pois eles podem ressecar excessivamente o couro cabeludo, dando assim o efeito contrário nos cabelos, estimulando as glândulas sebáceas na produção de óleo para a hidratação das fibras capilares.

Além disso, controle o uso de condicionadores e de secador, babyliss e chapinhas, porque  a alta temperatura nos cabelos pode fazer com que os cabelos fiquem mais propensos a ressecar, fazendo com que o couro cabeludo produza mais sebo para os fios de cabelo.

Deixe seu comentário. Até breve!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Close