Abóbora amarga: vilã da calvície?

Você sabe o que é calvície? Será que a abóbora amarga é vilã da calvície? Neste artigo vamos falar tudo sobre a abóbora amarga, a calvície e a relação entre o alimento e a possibilidade de os cabelos começarem a cair mais. Confira em detalhes a partir de agora!

Abóbora amarga: vilã da calvície?

A abóbora

A abóbora é um alimento rico em vitamina A que é essencial para o bom funcionamento do nosso organismo e possui licopeno, essencial para a visão. Em geral, como podemos ver, um alimento precioso para a nossa saúde.

E não para por aí. Essa hortaliça também possui:

  • sais minerais;
  • vitaminas do complexo B;
  • contém propriedades diuréticas;
  • detém elementos laxativos;
  • contribui para o emagrecimento.

A abóbora pode ser consumida de diversas maneiras, assim como em:

  • saladas;
  • pratos quentes;
  • sopas;
  • bolos;
  • refogados;
  • doces, entre outros.

E, além disso, as suas sementes que são ricas em ferro, também podem ser consumidas como aperitivo, fritas ou assadas e salgadas. Uma ótima opção, cheia de fibras e gorduras do bem, protetoras do coração.

Muitos médicos já disseram para não consumir abóbora amarga, pois a amargura que deixa no paladar é um aviso natural de que o alimento ainda não está bom para consumo. Pois é, não é tão boa para a saúde.

Além de a abóbora amarga prejudicar o nosso paladar, também causa a calvície feminina. O amargor de uma abóbora já serve como um alerta. E deve-se ter muito cuidado ao consumi-la. Preste atenção ao decorrer do artigo para entender completamente.

Calvície

Primeiro, vamos saber mais sobre o que causa calvície exatamente.

Bem, geralmente, nós perdemos cerca de 50 a 100 fios por dia, o que é considerado normal, mas caso a queda seja excessiva, a dica é procurar logo um especialista, para que a questão não se agrave e o tratamento possa ser encaminhado em tempo antes de a região ficar totalmente descoberta de fios. A calvície é caracterizada pela diminuição parcial ou total dos fios capilares, podendo até afetar outras áreas do corpo que possuem pelos.

A calvície afeta mais os homens, mas isso não significa que as mulheres não sejam também atingidas. Há diversos tipos de calvície que possuem, por sua vez, diversas causas; por isso, é muito importante consultar um dermatologista ou profissional da área, pois a causa vai de mudança hormonal, hereditariedade e até mesmo estresse. E, evidentemente a alimentação pode influenciar na queda capilar. Mas, tudo bem: qual será a relação entre ingerir abóbora amarga e a queda de seus queridos cabelos? É exatamente o que veremos a seguir!

Abóbora amarga: vilã da calvície?

Philippe Assouly, dermatologista francês, comentou sobre alguns casos no JAMA Dermatology. Na ocasião, apontou a relação entre a calvície e a toxicidade das curcubitáceas, família de plantas que inclui diversos tipos da abóbora.

Grosso modo, o que menciona é o seguinte exemplo: uma mulher tomou sopa de abóbora e logo após teve sintomas como náusea, diarreia e vômitos. Uma semana depois, a queda capilar começou.

No segundo caso que Assouly usa como exemplo, ocorre da seguinte forma: uma mulher relatou sintomas de intoxicação alimentar após uma refeição que possuía abóbora e três semanas depois houve a queda capilar.

Então, de acordo com Assouly, as cucurbitáceas podem possuir um composto tóxico conhecido como cucurbitacina que produz sabor amargo. O médico também lembrou que há três anos um alemão morreu de envenenamento por cucurbitacina após comer um ensopado.

É preciso abolir a abóbora amarga da alimentação?

A relação entre a substância e a queda capilar ainda não foi estudada, mas é importante manter a distância de vegetais amargos.

Ou seja, podemos confirmar que a abóbora amarga é vilã da calvície, pois as cucurbitáceas possuem um composto cuja toxicidade ao organismo ainda tem de ser melhor averiguada. E, há muita probabilidade, de que alimentar-se de abóbora amarga possa causar queda mais acentuada de fios, levando a zonas de calvície.

Além disso, ainda há o grande risco, como vimos, de sofrer de grave intoxicação alimentar. Ou seja, o mal que esse tipo de alimento pode causar é diversificado. Por isso, se poupe dessa opção alimentar.

Pelo bem de seus cabelos e também de sua vida, a dica é não insistir muito para consumir, quando a abóbora estiver amarga demais.

Caso haja falhas em seu couro cabeludo, um produto que você pode aplicar, fácil e rápido para disfarçar a calvície é a poderosa maquiagem capilar. Isso mesmo! É um composto de queratina que ajuda, e muito, na hora de mascarar os pontos com menos cabelo em você. E, assim, as entradas e zonas de calvície parcial ficam praticamente imperceptíveis. Já pensou? Compre a sua!

E então? Gostou do artigo que fala se a abóbora amarga é vilã da calvície de fato? Deixe seu comentário abaixo e continue acompanhando o blog, sempre o melhor conteúdo a respeito de calvície e seus tratamentos para você!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Close