Algumas dicas de alimentação funcional para combater queda de cabelos

Entrar no banheiro e encontrar uma quantidade enorme de cabelos espalhada por todos os lugares. Essa tem se tornado comum nas casas de muita gente. São fios acumulados na pia, ralinho do box e por toda extensão do chão. Isso ocorre devido ao aumento da queda capilar e pela falta de um tratamento adequado para o problema. Existem inúmeros métodos para diminuir o transtorno de perda de fios. Porém, apenas se resumem a produtos cosméticos carregados de componentes químicos. Mas o que poucos sabem é que existe uma forma de tratar sem recorrer a medicamentos. Veja, a seguir, 4 dicas de alimentação funcional para combater queda de cabelos.

Algumas dicas de alimentação funcional para combater queda de cabelos

Alimentação funcional: o que é?

Antes de explicarmos como a alimentação funcional é necessária para o tratamento de queda de cabelos, precisamos entender melhor. Esse nome, que parece um pouco incomum, nada mais é que sinônimo de alimentação saudável, rica em vitaminas e elementos que fazem bem para a saúde.

Esses tipos de alimentos são capazes de trazer para as pessoas uma vida mais ativa e vital. Eles são capazes de ajudar o metabolismo do organismo e às funções mais básicas do nosso corpo. Consequentemente, quando a saúde do corpo é estabelecida, o cabelo se mantém de forma estável e saudável.

Alimentação funcional e probióticos

A alimentação funcional para combater queda de cabelos deve ser rica nos microrganismos chamados de probióticos. Apenas conhecidos como causadores de doenças, essas bactérias passaram a ser mais estudadas e observou-se que seriam boas para a alimentação saudável.

Essas bactérias, além de encontradas em alimentos, fazem parte também da criação de suplementos energéticos para pessoas que malham e fazem outros tipos de exercícios. Ou seja, não está presente somente em um tipo de forma, mas também em outras para abranger o uso.

Probióticos e queda de cabelo

O nosso organismo está completamente interligado. Há uma relação inseparável entre nossos órgãos vitais, que influenciam na saúde ou na doença. O intestino, a pele e o cérebro têm formas de se comunicar que podem influenciar na queda capilar e na solução desse problema.

Pesquisas feitas em ratos mostraram como a alimentação funcional pode combater a queda de cabelos. Ao retirar alimentos de biotina, esses animais não sofreram nenhuma alteração no organismo. Porém, ao utilizar um antibiótico que acabava com os probióticos presentes no intestino, automaticamente houve queda de cabelo e problemas na saúde.

Probióticos no intestino

Apesar de nem sempre ingerirmos alimentos ricos em probióticos, nosso corpo nem sempre reage com queda de cabelo. Isso ocorre devido ao nosso intestino estar cheio dessas bactérias, mantendo um padrão de quantidade equivalente que não deixe os fios caírem.

A alimentação funcional pode combater a queda de cabelos, claro. Desde que realizada de forma correta e interligada à quantidade que já temos em nosso organismo. Mas, não podemos esquecer que o nosso organismo já possui essa bactéria e que tudo em exagero pode trazer consequências ruins.

Alimentação funcional não é sempre a solução

Como já dito antes, a alimentação funcional pode combater a queda de cabelos, porém nem sempre ela funciona. Isso pode acontecer porque nem todos os problemas capilares estão associados à falta desses microrganismos, até porque precisamos chegar a um nível muito baixo dessa bactéria para gerar a perda de fios.

O excesso de tração nas madeixas feita por secadores e chapinhas, além do uso de tratamentos químicos fortes, a caspa e Dermatite Seborreica… Todos esses problemas podem levar a queda capilar. Ou seja, antes de recorrer a esse tipo de alimentação, analise o que está levando a isso.

Alimentos ricos em probióticos

Depois de falarmos bastante como a alimentação funcional pode combater a queda de cabelos, precisamos listar quais são os alimentos que podem fazer parte dessa dieta e quais outros produtos que possuem probióticos. Antes de qualquer coisa, coloque em mente que tudo em excesso pode gerar algum problema.

Comidas como arroz, feijão e lentilhas são as mais ricas nessas bactérias. Além disso, existem os frutos do mar, leite e afins, a soja e o vinagre de maça para compor essa dieta rica em bactérias saudáveis ao corpo. Por último, pesquise sobre suplementos de academias que possuem esse componente para fazer parte de sua lista.

A busca por um médico

A alimentação funcional pode combater a queda de cabelo caso o problema esteja ligado aos alimentos. Se isso não for muito visível aos olhos dos leigos e houver dúvidas quanto ao que leva a perda dos fios, é de suma importância buscar ajuda médica.

Um médico especialista na área, seja ele com alimentação ou estética, pode dizer o que leva a esse transtorno. Eles são estudados para tratar esse tipo de problema e possuem mais conhecimentos que a população em geral. Ou seja, nunca deixe de procurar ajuda de um órgão superior.

Gostou do nosso texto? Conte-nos se você conhece mais de como a alimentação funcional pode combater a queda de cabelo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Close