Tratar calvície com plaquetas do sangue: é fato ou mito?

A perda de cabelo gera estresse que gera mais perda de cabelos criando assim um ciclo vicioso que vai acabar por trazer inúmeros problemas para a vida de quem sofre com a calvície.

Ainda não existe uma cura definitiva para esse problema e vários são os motivos que acarretam na perda dos fios de cabelos, como por exemplo, estresse (que já citamos aqui), alcoolismo, tabagismo, estilo de vida, medicamentos, algumas doenças ou até mesmo produtos cosméticos, além, é claro, de herança genética e desregulação hormonal.

Justamente por ainda não existir uma cura é que cada vez mais pesquisadores estão buscando por uma solução para o problema que afeta boa parte da população mundial, entre as mulheres e, principalmente, os homens.

Uma dessas pesquisas que estão sendo desenvolvidas é a tentativa de tratar calvície com plaquetas do sangue, e é sobre isso que vamos tratar no texto de hoje, se é possível, de fato, tratar calvície com plaquetas do sangue. E então, vamos conversar?

Tratar calvície com plaquetas do sangue: é fato ou mito?

Plasma Rico em Plaquetas

A técnica do Plasma Rico em Plaquetas ou apenas PRP consiste na coleta de sangue do paciente, levado para a centrífuga para separar os componentes do sangue para a retirada das plaquetas, em seguida elas são injetadas diretamente na área afetada no paciente.

As plaquetas são responsáveis pela coagulação do sangue, elas apresentam citocinas (responsáveis pela comunicação celular), além de diversos fatores de crescimento. E tudo isso junto favoreceria o crescimento capilar, através do estímulo às células-tronco capilares e à formação de novos vasos sanguíneos.

O que diz a ciência

Ainda não há um parecer aprovando a técnica, ainda está em fase de testes com algumas conclusões contraditórias, onde alguns estudos apontam para o sucesso e outros para a ineficácia da técnica de tratar calvície com plaquetas do sangue.

Um dos estudos que apontam para o sucesso da técnica foi divulgado em 2014 em uma revista científica chamada Dermatologic Surgery, em que 64 pacientes foram submetidos a duas sessões da técnica para tratar calvície com plaquetas do sangue em um espaço de tempo de três meses entre uma aplicação de PRP e outra.

Após seis meses dois avaliadores deram seus pareceres e um deles alegou melhora em mais de 95% dos pacientes. Outro estudo em 2016 chegou a resultados parecidos.

Já entre os estudos que apontam fracasso da técnica para tratar calvície com plaquetas do sangue há um de 2016 publicado na mesma revista Dermatologic Surgery, dessa vez com pacientes do sexo feminino e não foi detectada melhora significativa em comparação com outros tratamentos já aprovados e utilizados ao mesmo tempo.

Também estão sendo pesquisados efeitos colaterais para a técnica de tratar calvície com plaquetas do sangue, contudo, não foram apontados contraindicações graves, embora algumas complicações tenham sido verificadas, tais como: dor de cabeça, vermelhidão ou manchas brancas, dor, inchaço, algumas infecções e alergias ou mesmo alguns hematomas.

Exceto, é claro, em pacientes que apresentarem problemas em seu sangue, como o vírus HIV, hepatite C ou algum tipo de anemia que estarão automaticamente excluídos da possibilidade de se utilizarem dessa técnica.

Portanto, ainda não é possível atestar de maneira contundente que tratar calvície com plaquetas do sangue dará resultados concretos, pois não há consenso entre os pesquisadores ou resultados definitivos.

Enquanto isso existem alguns medicamentos e tratamentos testados e aprovados para o tratamento da calvície além de alguns produtos cosméticos que auxiliam a disfarçar o problema.

Maquiagem Capilar Jet Hair – A solução ideal para a calvície

Você já está com a perda de cabelos acentuada e não sabe o que fazer? Então temos uma dica muito interessante para disfarçar as entradas no couro cabeludo.

Uma dessas formas para disfarçar a calvície é a maquiagem capilar Jet Hair. Ela tem por objetivo a sua saúde e bem-estar, o que se traduz em qualidade de vida. Esse produto tem a aprovação do Ministério da Saúde e da ANVISA, ou seja, qualidade e segurança garantidas e é 100% nacional.

O Pó Jet Hair é resistente à água, suor e vento, é hipoalergênico e produz uma aparência natural dos fios. Contém ainda microfibras de queratina com eletroestática para garantir a aderência aos fios, não mancha a pele e, além de tudo isso, não é testado em animais e nem se utiliza de nenhum produto de origem animal.

O Pó Jet Hair está disponível nas cores: preto, castanho escuro, castanho médio, castanho claro, loiro, ruivo, cinza/grisalho e branco. E para retirar esse produto do seu couro cabeludo basta lavar os cabelos com qualquer tipo de shampoo.

E então, gostou das informações sobre a possibilidade de tratar calvície com plaquetas do sangue que abordamos nesse texto? Deixamos de esclarecer algum ponto ou alguma informação ficou de fora? Deixe seu comentário para a gente saber.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Close