Quantas vezes deve cortar cabelo para deixá-lo saudável

É comum ter dúvidas sobre quantas vezes deve cortar cabelo para manter fios sempre saudáveis e bonitos. Isso ocorre porque, normalmente, não são dados motivos exatos do porquê ser necessário seguir uma rotina de cortes e qual a mais adequada a cada pessoa.

Neste artigo, vamos descrever quantas vezes deve cortar cabelo e qual a indicação para os diversos tipos de cabelos.

Quantas vezes deve cortar cabelo para deixá-lo saudável

Qual vantagem de cortar habitualmente os cabelos?

Quando se questiona quantas vezes deve cortar cabelo a pessoa deve compreender que os fios crescem por até oito anos e, dessa forma, passam a apresentar diversos tipos de fragilidades e danos ao longo de sua extensão.

Esses danos podem ser ocasionados pelo próprio desgaste dos fios ocasionados por limpeza, mudanças climáticas, uso de produtos químicos etc.

Os fios acabam adoecendo e perdem a força, gerando riscos de quedas ou de comprometerem sua beleza.

Quando os fios enfraquecem surgem danos em sua pontas, que se apresentam quebradiças gerando riscos de perdas.

Qual relação entre o corte do cabelo e seu crescimento?

Muitas pessoas podem entender que o crescimento dos cabelos está relacionado a quantas vezes deve cortar cabelo, agindo assim para acelerar o crescimento.

Porém, esse é um entendimento que não oferece qualquer evidência que relacione o corte ao crescimento.

Na verdade, o corte serve para eliminar ou reduzir a ação dos danos aos fios e permitir que novos fios cresçam no lugar daqueles que eventualmente estejam comprometidos.

Por isso, muitas vezes, a impressão é a de que os cabelos crescem mais ao se cortar, mas o que ocorre realmente é que os fios doentes são substituídos por saudáveis e a cabeleira permanece preenchida com mais beleza.

Quantas vezes deve cortar cabelo?

Para saber quantas vezes deve cortar cabelo, é importante entender que a quantidade de cortes se relaciona aos danos ocasionados nos fios, mas também ao tipo específico de cabelo.

Cada tipo tem uma indicação de periodicidade de cortes e que deve ser considerada para que sejam mantidos adequadamente.

  • Crespos ou cacheados – esses tipos não exigem idas habituais aos salões. Podem ser mais espaçados quanto a influenciar em manter uma cabeleira mais cheia.

Porém, é indicado corte sempre que se identificar comprometimento dos fios, fato esse que se aplica a qualquer tipo. A indicação de corte é a cada três meses.

  • Curtos – esses tipos devem ser cortados com menores intervalos de tempo. Como os cabelos desse tipo possuem um comprimento menor é possível achar que os fios não estão crescendo, assim ao manter os cortes com maior frequência é possível manter cabelos com um tamanho que se deseja.

Isso impede de achar que os cabelos não estão crescendo. Tais cuidados servem para quem mantem franjas e que exigem uma verificação mais frequente.

Para esse tipo de fio. o corte deve ser realizado a cada dois meses.

  • Compridos – para esses tipos é necessário um cuidado maior e atenção a pontas duplas.

Como seu comprimento é maior, é mais frequente as quebras e o comprometimento dos fios, assim é importante efetuar cortes com maior frequência.

A indicação é de realizar cortes a cada 3 meses, prazo que se deve adotar também para os cacheados e crespos.

Esse cuidado também deve ser observado para cabelos com comprimentos médios.

Importante compreender que os cortes tem um padrão, mas que pode ser alterado por condições que se identifiquem quanto a saúde dos fios e que estejam mantidos com uma limpeza segura e sem uso em excesso de compostos químicos, que acabam comprometendo mais os fios existentes.

Quantas vezes deve cortar cabelo danificado?

Cortar os cabelos danificados é importante para preservar uma cabeleira sempre vistosa e bonita.

Quando há um enfraquecimento dos fios, é importante eliminá-los para permitir que outros fios saudáveis cresçam e que possam ocupar o local deixado por aquele que não se apresentava saudável.

Ao se identificar esses fios, é importante uma visita a seu cabeleireiro cada 2 meses, visando revisar e efetuar o corte para permitir a renovação dos fios, mantendo a saúde dos cabelos.

Nesses casos, é possível cortar as pontas danificadas e efetuar o acompanhamento periódico para identificar eventuais comprometimentos dos fios e suas correções.

Conclusão sobre quantas vezes deve cortar cabelo

Para se identificar quantas vezes deve cortar cabelo, uma pessoa deve relacionar a periodicidade de cortes ao tipo específico de seus cabelos. Além disso, é importante observar as condições dos fios e se esses se encontram saudáveis.

Porém, se o seu caso é se deparar com cortes, mas também com o surgimento de falhas em sua cabeleira, com início da calvície, é importante usar uma maquiagem capilar de qualidade e que auxilie a disfarçar a perda de cabelos.

Jet Hair é um produto autorizado para comercialização pela Anvisa e de excelente qualidade, que vai atender a suas necessidades de preenchimento de falhas em seu couro cabeludo.

Acesse nosso site e conheça com mais detalhes esse produto. Deixe sua opinião sobre esse artigo em nosso blog, pois isso nos ajudará a melhorar constantemente a qualidade do conteúdo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Busca

Recentes

Arquivos


Close