Co-Wash: 4 dicas para se beneficiar com a técnica

Nos últimos anos, um novo procedimento capilar vem chamando a atenção daqueles mais preocupados com o bem-estar, a saúde e a aparência dos fios.

Trata-se do Co-Wash, uma técnica que consiste, basicamente, na substituição do xampu pelo condicionador no processo de lavagem dos cabelos.

Inclusive, o termo “Co-Wash” deriva do inglês “conditioner washing”, que, ao pé da letra, pode ser traduzido como “lavagem com condicionador”.

Neste artigo, você aprenderá os principais detalhes e curiosidades sobre a técnica Co-Wash, bem como descobrirá se esse procedimento é realmente considerado vantajoso ou aos seus cabelos ou se é nocivo. Boa leitura!

Co-Wash: 4 dicas para se beneficiar com a técnica

O que é o Co-Wash e para que serve?

No processo de limpeza dos fios, o uso do xampu ocupa um lugar bastante importante.

Isso ocorre, pois, esse produto é responsável por abrir as cutículas dos fios, promovendo maior ação dos produtos posteriormente aplicados.

Além disso, possui funções como a higienização dos fios e do couro cabeludo e a nutrição dos cabelos.

Apesar disso, a técnica do Co-Wash propõe um novo método para a lavagem dos cabelos, visando à diminuição do excesso de oleosidade e sujeiras sem o ressecamento dos fios.

Outro objetivo do Co-Wash se refere à menor exposição dos fios e do organismo a agentes nocivos, como parabenos, sulfatos e petrolatos, geralmente presentes em produtos cosméticos e de limpeza.

Embora apresente benefícios, trata-se de um método especialmente eficaz para pessoas com cabelos afro, cacheados ou enrolados.

Isso se dá, pois cabelos crespos apresentam mais dificuldades para que a oleosidade natural dos fios seja distribuída ao longo dos cabelos, de modo que as pontas se apresentem ressecadas, mesmo com alta oleosidade na raiz capilar.

Nesses tipos de cabelo, o uso dos xampus tradicionais pode acentuar esse problema, ao provocar uma retirada excessiva da oleosidade, tornando os cabelos mais finos, quebradiços e difíceis de pentear e de definir.

Co-Wash: como fazer

Como já mencionamos, o Co-Wash refere-se ao processo de substituição do xampu por um condicionador.

Apesar disso, tão somente a troca de produtos não se caracteriza como Co-Wash: é necessário atentar-se às composições dos produtos e suas particularidades.

O Co-Wash pode ser implementado de várias formas, a depender das necessidades de seus fios:

  • substituição total do xampu por condicionador;
  • rodízio do uso dos produtos; e
  • uso esporádico (quinzenalmente ou mensalmente) do xampu.

Embora uma das propostas desse método seja a redução de substâncias nocivas aos fios e ao couro cabeludo, muitos condicionadores apresentam, em sua composição, altas porcentagens de silicones insolúveis.

Essas substâncias, quando em excesso, acumulam-se nos cabelos, impactando negativamente a saúde dos fios. Desse modo, dê preferência àqueles com silicones solúveis em água.

Sempre que você estiver com dúvidas em relação à composição de um determinado produto, não deixe de ler seu rótulo.

Além dos silicones insolúveis em água, destacamos como substâncias a ser evitadas sulfatos e outros derivados do petróleo, como vaselina, parafina líquida, óleos minerais, entre outros.

Co-Wash: benefícios e desvantagens

Os benefícios e desvantagens do Co-Wash devem ser levados em consideração para a escolha de seu tratamento.

Benefícios:

  • opera regulando os níveis de oleosidade, sobretudo em cabelos crespos, encaracolados e enrolados;
  • nutre e dá brilho aos fios; e
  • diminui os níveis de substâncias nocivas aos fios e ao couro cabeludo.

Desvantagens:

  • é eficaz principalmente para o tratamento de cabelos enrolados e crespos;
  • caso realizado de modo incorreto, pode provocar a queda dos cabelos e coceira no couro cabeludo; a
  • acúmulo de sujeira e oleosidade exacerbada dos fios, por se tratar de uma técnica mais suave.

Demais informações importantes

Entender o modo de ação de um determinado produto é essencial antes de sua aplicação. Assim, considere as características de seus cabelos antes da adoção de um tratamento.

No caso do Co-wash, isso não é diferente. Como já indicamos no texto, trata-se de um método que exige uma série de cuidados.

Deste modo, cabe trazer a importância da consulta com um cabelereiro de confiança, que fará a avaliação dos seus fios previamente a aplicação de qualquer substância, produto ou procedimento.

Esse processo não só tornará o processo mais satisfatório aos fios como também verificará se um determinado procedimento é realmente adequado às propriedades de seus cabelos e ao couro cabeludo.

Conclusão sobre Co-Wash: 4 dicas para se beneficiar com a técnica

Neste artigo, abordamos as principais informações, curiosidades, benefícios e desvantagens do procedimento capilar batizado de Co-Wash.

Como vimos, trata-se de um método eficaz principalmente para cabelos mais encaracolados, enrolados ou crespos, afinal, estes enfrentam maiores dificuldades para a distribuição da oleosidade natural pelo comprimento dos fios.

Embora o Co-Wash consista na troca do xampu pelo condicionador, nem todo condicionador deve ser utilizado. Por isso, vale ressaltar a importância do acompanhamento de um profissional cabelereiro, que possa lhe orientar acerca das reais necessidades de seus fios. Esperamos que tenham gostado e aprendido com nosso artigo. Não deixe de escrever abaixo seu comentário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Busca

Recentes

Arquivos


Close