Ácido fólico e cabelos: quais os reais benefícios

Vários são os tratamentos e as indicações para cuidados com os cabelos, no entanto muitas vezes alguns métodos não trazem os resultados esperados para tratar da queda dos fios, do embranquecimento e até mesmo seu saudável crescimento.

A boa notícia é que existem opções que podem ajudar de alguma forma a alcançar alguns objetivos quanto aos cuidados dos cabelos.

Vamos ver neste artigo os benefícios efetivos que podem ser observados na relação entre ácido fólico e cabelos.

Quais funções o ácido fólico detém?

Para entender a relação entre ácido fólico e cabelos, é importante ter informações sobre quais funções desempenha essa vitamina e onde está presente.

O ácido fólico é uma vitamina que tem papel essencial na produção do material genético existente nos seres humanos. Essa vitamina está integrada à formação do DNA e do RNA das células e atua de forma intensa na consolidação das hemácias, que correspondem aos glóbulos vermelhos existentes no sangue.

Essa é uma vitamina que possui suas reservas localizadas em sua maioria nos rins e no fígado e não é produzida pelo corpo, devendo ser reposta através da alimentação ou, em casos de falta de consumo dos alimentos adequados, via suplementos.

O ácido fólico pode ser reposto pela alimentação?

A relação entre ácido fólico e cabelos está presente pela ação da vitamina na estrutura genética da pessoa, e como sua reserva no corpo é limitada, se faz necessária sua reposição de forma natural pela alimentação, conforme mencionado anteriormente.

Está presente, principalmente, em espinafre, alface, couve, rúcula, brócolis, cogumelos, castanhas, nozes, frutas cítricas, leite, sementes e grãos, fígado, carnes, leite e ovos.

Dessa maneira, sua ingestão decorrente de uma alimentação normal na vida das pessoas, não sendo necessário recorrer a dietas especificas e especiais para que possa ser reposta no organismo.

Isso provoca um equilíbrio natural das taxas de ácido fólico, sem a necessidade de se recorrer à suplementação.

É preciso suplementar ácido fólico no organismo?

Quando se deseja entender a relação entre ácido fólico e cabelos, é preciso considerar em quais casos ocorrem a deficiência dessa vitamina.

Pois bem, essa reposição é indicada para mulheres grávidas ou que estejam tentando engravidar, de preferência, para que possam garantir que a formação do seu bebê não sofra carência da vitamina e comprometa o desenvolvimento do tubo neural, por exemplo.

Esses casos são importantes de serem prevenidos já no início da gestação, entre o início da gravidez e a quarta semana do feto, e o aconselhado pelos médicos é que sua ingestão ocorra alguns meses antes da concepção.

Quais os sintomas da falta de ácido fólico no organismo?

Normalmente, a carência de ácido fólico no organismo é identificada quando suas taxas são menores que 2ng/ml, considerando-se como taxas normais acima de 4ng/ml.

Os sintomas da falta de ácido fólico podem apresentar indícios de fraqueza, cansaço, palidez, irritabilidade, desânimo, aftas, dores de cabeça, entre outros. Entre as causas de ausência dessa vitamina são identificadas doenças relacionadas ao intestino, alcoolismo crônico, diálise e anemia.

Por isso, pode-se afirmar que a relação entre ácido fólico e cabelos é mais próxima, sobretudo, com sua ausência no organismo, o que causará efeitos intensos e diretos, não só nos cabelos como em todo o organismo.

Qual a relação entre o ácido fólico e cabelos?

A relação entre ácido fólico e cabelos está na ação da vitamina no organismo, que permite que a formação genética seja mantida em boas condições, assim influenciando na estrutura e nas condições de cabelos saudáveis também.

Porém, a sua deficiência pode, sim, provocar danos e, por isso, deve ser bem controlada.

A relação entre ácido fólico e cabelos é realmente importante?

O ácido fólico não tem nenhuma função quanto a benefícios aos cabelos quanto o organismo já conta com níveis dessa vitamina dentro dos indicadores adequados.

Sendo assim, a avaliação de seu benefício somente pode ser emitida no caso de deficiências dessa vitamina, pela ingestão suplementar, porém esse não é caso.

Não use esse suplemento desnecessariamente, pois não alcançará benefícios esperados e a sua expectativa será frustrada.

Considerações finais

Como vimos, o ácido fólico e cabelos possuem uma relação importante, pois essa vitamina atua com eficiência no organismo, porém sua ausência é, de certa maneira, rara, e assim a reposição somente deve ocorrer se a vitamina estiver em falta.

E se você já estiver apresentando início de calvície e deseja disfarçá-la, é importante usar uma boa maquiagem capilar, como é o caso de Jet Hair, que você pode conhecer mais. Aproveite e deixe seu comentário sobre ácido fólico e cabelos em nosso blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Busca

Recentes

Arquivos


Close