Calvície e rugas: qual a relação entre elas?

Todos sabem que tudo que existe tem um tempo de vida determinado, uns seres vivos vivem mais outros menos. Porém devemos estar atentos ao tempo que cada ser pode ter.

Então todos os seres vivos tem em sua fisiologia alguma característica que identifica sua idade, sejam certas habilidades como a de se reproduzir, por exemplo, ou até mesmo de se regenerar. Cada idade que este ser contém faz com que certas características apareçam e outras sumam por causa da ação do tempo de vida.

Um desses sinais característicos são a calvície e rugas que em determinado, no caso dos humanos, momento será inevitável ocorrer. A primeira característica, a calvície, pode não acontecer em todos, pois isto só acontece se o indivíduo estiver propício a isso por vários motivos já conhecidos.

Assim, para associar calvície e rugas é necessário considerar vários fatores, pois o envelhecimento é certo que aconteça em todos os seres humanos, mas a calvície por outro lado, não.Calvície e rugas: qual a relação entre elas?

Relação entre calvície e rugas

Quando as pessoas lembram-se das palavras calvície e rugas, lhe vem logo à mente um senhor com idade avançada com um cabelo ralinho no formato de uma coroa de cabelo branco nas bordas da cabeça e em cima dela a careca a mostra. Mas a queda de cabelo que origina a calvície, não aparece necessariamente apenas em homens, pois há casos de mulheres que perderam permanentemente boas parte de seus cabelos, então na velhice é mais do que natural pessoas apresentarem calvície.

Como foi dito acima, existem vários fatores que levam a queda permanente de cabelos e se sabe que até agora, por mais que haja avanços dentro da medicina em relação à cura da calvície e existam mil tratamentos já conhecidos, a calvície ainda não pode ser considerada um problema que já tem solução, ou seja, ainda não há cura para ela, infelizmente.

Então o que realmente liga a calvície e rugas? A resposta é mais simples do que parece, pois ela está em nossas próprias células. Mas especificamente presente em nossas células-tronco do nosso couro cabeludo nos folículos capilares. Estudiosos no assunto e cientistas através de observações descobriram que com o passar do tempo, quando a idade avançada chega essas células param de se regenerar ou passam a fazer isso de forma mais lenta e com o tempo esse crescimento irá parar definitivamente.

Células-tronco são responsáveis pelo crescimento dos fios quando estes estiverem no seu tempo final de vida fazendo que com novos fios nasçam e toma o lugar dos antigos fios de cabelo. Sabemos que essas células-tronco não existem apenas no couro cabeludo e sim em todo corpo, porém sabe-se que estas têm um tempo de vida menor em comparação as que estão em outras partes do corpo.

Outros estudos sobre calvície e rugas

Alopecia senescente ou involucional é o nome dado à perda de cabelo pela idade. Segundo estes estudos ela costuma aparecer a partir da idade de 50 anos em homens e mulheres.

Esse tipo de rarefação é conhecido por afinar progressivamente os fios com o passar dos anos de forma definitiva. Apesar de que médicos não a reconhecem como uma entidade ou condição capilar a parte.

Essa tese é baseada em um estudo publicado em 2011 por cientistas na Clinical Dermatology. Nesse estudo foram avaliadas 2.149 biópsias de couro cabeludo de pessoas entre 20 a 99 anos de idade, com ou sem calvície.

Estes estudos mostraram que boa parte das pessoas com perda significante de cabelo foi causava por calvície. Além disso, o estudo apontou que há exceções da causa da queda de cabelo ser provocada apenas pelo avanço da idade.

Outro estudo realizado na Universidade de Tóquio e publicado na revista Science em 2016 propôs mecanismos para essa associação. Em ratos, o envelhecimento causava danos a uma proteína do folículo capilar chamada de colágeno 17A1 poderia desencadear a miniaturização da perna do fio. Sendo assim, o envelhecimento seria mais uma das causas para o aparecimento da calvície, além dos fatores genéticos.

Então o segredo para evitar a calvície seria a preservação dessa proteína 17A1. Alguns testes foram feitos em seres humanos no qual foram injetados células-tronco saudáveis no couro cabeludo destes e os resultados foram positivos.

As células-tronco jovens injetadas trouxeram de volta as proteínas que por sua vez estimularam o crescimento de novos fios saudáveis, exatamente onde não havia mais produção de novos fios. Isso tudo prova que cada vez mais estamos próximos da cura para calvície e rugas, porque não?

O que fazer para evitar calvície e ruga?

Todas as pessoas sabem que não vão viver para sempre, que a partir de determinada idade acontecimentos inevitáveis irão acontecer em seu corpo como calvície e rugas, mas podemos fazer com que esse tempo chegue mais lentamente tomando alguns cuidados que são considerados essenciais tais como: uma boa alimentação, evitar se estressar, ter cuidado com a pele, frequentar um profissional, caso perceba quedas de cabelos constantes, descansar bem e viver perto de quem se ama. São dicas que com certeza farão muita diferença na vida de qualquer pessoa. Ficou com alguma dúvida? Deixe seu comentário a seguir.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Busca

Recentes

Arquivos


Close