Intolerância à lactose e calvície: qual a relação?

Conhece a relação entre intolerância à lactose e calvície? Então, prepare-se para saber todos os detalhes sobre esse tema no post de hoje. Boa leitura!

Sabe-se que na história da humanidade, nunca os avanços da medicina e tecnologia foram tão evidentes. E esses avanços se devem ao aumento dos investimentos relacionados às mais diversas áreas que se pode imaginar.

Com isso, a estética, algo que desde a antiguidade já era apreciada, começou a ser buscada com mais ênfase. Isso se deve mais ao crescimento da globalização das informações e também ao crescimento da mídia em si, em que, por meio destes meios, as informações puderam se propagar em tempo real.

As empresas que trabalham com beleza investem pesado em repassar aos seus clientes a necessidade de consumir seus produtos para que estes possam se sentir melhor, mais bonitos e, consequentemente, dentro da moda.

Um dos maiores investimentos está sendo feito na área capilar. Esses estudos apontam possíveis causas de queda de cabelo, assim também como indicam tratamentos adequados para cada problema encontrado em determinado indivíduo. Essas pesquisas mostram que não basta apenas ter um cabelo bonito com aparência saudável, é preciso saber se este está realmente livre de problemas do dia a dia, ou seja, precisa-se saber se o cabelo está forte, saudável desde seu nascimento, pois os maiores problemas vêm de dentro pra fora, e não o contrário.

Intolerância à lactose e calvície: qual a relação?

Lactose e calvície

Então, o que teria a ver entre intolerância à lactose e calvície? Para sabermos mais sobre isso, devemos entender o que é lactose e o porquê desse derivado do leite proporcionar incômodo a algumas pessoas. Vamos lá?

Pesquisas mostram que a cada dez pessoas, três têm má reação em derivados do leite. No Brasil, esse percentual aumentou para 40% nos últimos anos. Quem sofre com esse problema tem carência em lactase-enzima, que ajuda na digestão e na quebra das moléculas de açúcar da lactose-e, sentindo assim, dificuldades na hora de digerir a lactose.

Sintomas de quem tem intolerância à lactose são os mais variados possíveis dependendo do organismo. E eles podem se apresentar como dores de cabeça e inchaço abdominal, por exemplo.

Por isso, indica-se sempre cuidado com os alimentos derivados de leite, para justamente não precisar oferecer à pessoa esse tipo de constrangimento, mal-estar e dores. Mas será que tudo isso é também, devido à relação entre intolerância à lactose e calvície?

Causas

A intolerância à lactose pode ser temporária ou permanente. Acredita-se que esta intolerância está associada a fatores genéticos e tende a persistir pelo resto da vida. Estima-se que 65% das pessoas  apresentam a capacidade de digerir a lactose.

Nesse grupo de pessoas podem-se encontrar causas como infecções intestinais, doença celíaca (intolerância ao glúten), gastropatia diabética, quimioterapia e doença de Chrohn. Há também a intolerância congênita que aparece nos primeiros dias de vida de uma criança.

Diagnóstico

O diagnóstico pode ser feito logo após perceber que, ao suspender o consumo de lactose, tudo voltou ao normal.

Porém, alguns testes devem ser feitos para ter certeza se há realmente esse problema. Vejamos:

  • Teste do hidrogênio expirado: após a ingestão de algum líquido que contenha lactose. Pessoas que têm intolerância têm seus níveis de hidrogênio aumentado;
  • Teste de tolerância: a glicose do sangue é medida logo após a ingestão de algum alimento com a substância, pois os níveis de açúcar normalmente não sobem quando se tem intolerância;
  • Exame de acidez nas fezes: indivíduos com intolerância têm as fezes mais ácidas que as demais por conta da fermentação.

Como tratar?

Cada pessoa tem seus próprios níveis de produção da enzima-lactase. Por isso, o tratamento contra esse problema é relativamente fácil:não ingerir alimentos que contenham lactose.

Também se pode tentar tomar comprimidos de lactase durante a ingestão do alimento, mas nem sempre funcionam.

Intolerância à lactose e calvície

Existem muitas causas para que a queda de cabelo aconteça, tudo vai depender do organismo do indivíduo e de como determinados tratamentos funcionam. Então, para entendamos a relação que há entre intolerância à lactose e calvície, temos que ter em mente que doenças sistêmicas graves podem ser um desses fatores.

Distúrbios de absorção pode ser a causa do aumento da queda dos cabelos por comprometer a concentração de proteínas, vitaminas ou minerais, essenciais para a saúde capilar.

Porém, no caso da relação entre intolerância à lactose e calvície, essa associação não parece ser importante. Talvez por se tratar de um processo do sistema digestivo, o qual não conta com argumentos suficientes para associar ou relacionar a intolerância à lactose e calvície.

Assim sendo, não há na literatura da medicina algo que dê suporte científico à relação que há entre intolerância à lactose e calvície.

Muito obrigado por ler este post sobre “intolerância à lactose e calvície: qual a relação?”. Deixe sua pergunta nos comentários que responderemos, sempre. Até o próximo post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Busca

Recentes

Arquivos


Close