Couro cabeludo ardendo: sinal de alerta?

Doenças no couro cabeludo podem ocorrer em várias situações e acabar trazendo desconforto, além de ser responsáveis por acelerar a queda de cabelos.

Muitas doenças se relacionam a fatores como a falta de cuidados com os cabelos e o couro cabeludo, enquanto outras são originadas a partir do uso indevido de produtos ou problemas de saúde, que devem ser identificados e tratados.

Vamos abordar porque pessoas sentem o couro cabeludo ardendo.

Couro cabeludo ardendo: sinal de alerta?

Causas do couro cabeludo ardendo

Quando uma pessoa sente o couro cabeludo ardendo deve ficar atenta para pesquisar quais são suas causas, pois várias são as possibilidades de fatores que desencadeiam esse sintoma.

Dependendo da causa, é indicado um tratamento específico que atue para a solução do problema que gera a ardência.

Algumas causas são mais simples de tratar, mas, de qualquer maneira, a origem exata deve ser avaliada para ter certeza de que os tratamentos mais adequados estão sendo adotados para a cura.

Como a ardência refere-se a uma inflamação existente, pode ocorrer de forma rápida e passageira, ou ser frequente e duradoura. Em ambos os casos, a avaliação profissional é o ideal para tratar o problema.

Identificamos as seguintes causas de couro cabeludo ardendo.

Queimadura

Couro cabeludo ardendo pode ter como possibilidade de causa a incidência de queimaduras provocadas pelo sol ou uso de equipamentos térmicos. Esses agentes atuam sobre o couro de maneira intensa e podem provocar lesões graves.

A ardência já demonstra que o couro cabeludo foi afetado e, dessa forma, é importante cuidar de evitar exposição descontrolada a esses agentes.

O maior cuidado deve ser observado em relação a pessoas calvas e a exposição ao sol, sendo importante que usem algum tipo de chapéu ou boné que possa proteger a região da cabeça, evitando ação direta de radiação na área.

Produtos químicos

Produtos químicos são um grande causador de Couro cabeludo ardendo, principalmente se forem usados de maneira excessiva, sem orientação profissional adequada ou com composição de má qualidade.

Esse grupo de produtos pode provocar lesões sobre o couro cabeludo, sem uma percepção clara da pessoa, no momento do surgimento da lesão. Isso pode, consequentemente, trazer sérios problemas.

Alisamentos, uso de tinturas e processo de descoloração estão entre os mais danosos ao couro cabeludo. É importante garantir a procedência dos produtos e usar sem abusos, para evitar dados ao couro cabeludo.

Alergia

Uma causa de Couro cabeludo ardendo está relacionada a processos alérgicos. Quando se usa produtos químicos, mesmo que de boa qualidade, pode haver uma reação alérgica que gera irritação na área.

Nesses casos, normalmente a interrupção do uso dos produtos evita que essa reação permaneça, porém podem ocorrer casos em que a ida ao médico é necessária.

Importante sempre efetuar um pequeno teste para identificar se ocorre alguma reação e somente depois passar a usar o produto.

Essa causa pode ocorrer até mesmo pelo simples uso de cremes, xampus, pomadas etc,, e está relacionada a uma condição física individual. Pode ser fruto da intolerância a algum tipo de componente existente nesses produtos.

Psoríase

Essa doença também pode provocar ardência pois é uma lesão cutânea  crônica, sem origem conhecida, podendo atingir qualquer área do corpo humano.

Nesse caso, é possível reduzir sua ação com o uso de xampus próprios para aliviar a ocorrência.

Foliculite

Sua origem é por consequência de inflamação do folículo piloso por ação bacteriana ou fungos, fios encravados e doenças de pele. Grande parte de sua origem provém de uso constante de bonés e anabolizantes e atinge tanto a calvos como pessoas com vasta cabeleira.

Dermatite seborreica

Esse tipo de inflamação atinge normalmente todo o rosto, onde houver pelos, como nariz, couro cabeludo, cantos das orelhas, sobrancelhas.

Apresenta descamação, coceira, ardência, queda de cabelos e embora suas causas ainda sejam estudadas, ela está bastante relacionada a estresse e vida agitada, consumo de álcool em excesso e fungos.

Câncer de pele

Uma forma mais grave de manifestação da ardência no couro cabeludo, mas que vem acompanhado por alguns outros indicadores, como alteração por feridas que se formam.

Contudo, é importante ficar atento e ao primeiro sinal de ardência, tentar identificar as origens é não desprezar a possibilidade de investigar a existência de um câncer também, pois a identificação desse tipo de doença logo em seu início é fator decisivo para sua cura.

Conclusão sobre couro cabeludo ardendo

Couro cabeludo ardendo é um indício que uma inflamação leve ou grave pode estar acontecendo em seu organismo.

Por isso, é importante consultar um médico assistente em caso de persistir o problema, visando sua avaliação e tratamento adequado.

Porém, se o caso começar a influenciar em perda de fios de cabelo que provoquem falhas no couro cabeludo, é importante contar com um recurso de maquiagem capilar de qualidade.

Para ajudar nessa tarefa, Jet Hair é uma excelente opção e que trará resultados satisfatórios para preencher as áreas desprovidas de cabelo. Acesse nosso site e conheça com mais detalhes esse produto. Gostou do artigo sobre couro cabeludo ardendo? Deixe sua opinião sobre este artigo a seguir.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Busca

Recentes

Arquivos


Close