O que fazer quando fios novos não crescem

Dentre os problemas capilares mais comuns tanto entre homens e mulheres, encontramos a quebra dos fios, ressecamento, falta de brilho e cor, entre outros aspectos.

Em alguns casos, é possível até notar a falta de crescimento de novos fios de cabelos, que pode ser impulsionado por uma série de fatores.

Neste artigo, abordamos as principais informações sobre esse quadro, bem como algumas dicas de o que fazer quando fios novos não crescem. Boa leitura!

O que fazer quando fios novos não crescem: possíveis causas

Se você vem se perguntando o que fazer quando fios novos não crescem, deve se atentar às possíveis causas do quadro.

Existem alguns fatores que podem levar ao não crescimento dos novos fios de cabelos. Ao descobrir a causa, você poderá tratar o problema em sua raiz, de modo a prevenir reincidências.

Confira, abaixo, cinco causas capazes de atrasar o processo de crescimento de seus cabelos.

Seus cabelos podem estar quebradiços

Com a aplicação de substâncias químicas e a submissão a procedimentos estéticos capilares, é normal que, com o decorrer do tempo, os cabelos se apresentam mais quebradiços.

Procedimentos como colorações e alisamentos, o excesso de calor proveniente do uso de pranchas, e até práticas cotidianas como prender os cabelos ainda molhados contribuem para o gradual enfraquecimento dos fios.

O que resulta na perda da força da fibra capilar, tornando, consequentemente, o pH dos fios mais alcalinos e favorecendo a quebra dos cabelos.

Nesse sentido, quando os cabelos se apresentam demasiadamente quebradiços, o crescimento de novos fios pode não ser notado, uma vez que rapidamente perderá seu comprimento.

Cabelos cacheados e crespos podem levar mais tempo para crescer

Se você possui cabelos cacheados, enrolados ou crespos e vem se questionando quanto ao que fazer quando fios novos não crescem, fique despreocupado.

É inteiramente normal que, nesses tipos de cabelos, o tempo necessário para o crescimento seja maior.

Isso pode ser explicado, pois cabelos cacheados e crespos tendem a se apresentar mais ressecados, pelo fato de a oleosidade do couro cabeludo não percorrer todo o fio, devido a seu formato. Tal fato acaba tornando a fibra capilar mais fraca.

Com isso, a quebra dos fios torna-se mais comum e dificulta a percepção de crescimento dos cabelos.

Primeiros sinais da calvície

Fios mais curtos, que realmente não apresentam crescimento, é uma das características mais famosas da alopecia – a famosa calvície.

Nesse quadro, os fios se apresentam gradualmente mais finos e curtos, até sua completa extinção.

Assim, é necessário manter-se atento à quantidade de fios ‘miniaturizados’, pois a maior quantidade destes pode implicar os primeiros sinais de calvície.

Quando diagnosticada em seus estágios iniciais, o tratamento demonstra-se muito mais eficaz.

Problemas no couro cabeludo

Se você tem se preocupado com a velocidade de crescimentos de seus cabelos e vem se perguntando o que fazer quando fios novos não crescem, deve estar atento também à saúde de seu couro cabeludo.

Uma série de problemas podem comprometer o crescimento dos fios:

  • oleosidade excessiva;
  • ressecamento da pele; e
  • irritações, queimaduras e feridas.

Isso ocorre, pois o couro cabeludo abriga os folículos pilosos, células que comportam o nascimento e o crescimento dos fios de cabelos.

Níveis elevados de estresse, tensão e má alimentação

Indispensáveis ao bom funcionamento do corpo, hábitos cotidianos saudáveis, como uma alimentação saudável e controle nos níveis de estresse e tensão, também são essenciais para garantir o devido crescimento dos fios.

Outros hábitos importantes que valem a pena serem citados são a realização frequente de atividades físicas e o descanso.

Quando fios novos não crescem: o que fazer?

Diante dos fatores elencados acima, o que fazer quando fios novos não crescem depende inteiramente das causas associadas ao fenômeno.

Caso você perceba a influência da fraqueza dos fios, que se apresentam mais quebradiços, uma solução é a realização de tratamentos voltados à reconstrução capilar, que podem ser realizados tanto em casa como no salão.

Se seus cabelos são cacheados, enrolados ou crespos, não deixe de realizar hidratações semanais, com produtos voltados para nutrição profunda. Estes devolverão aos cabelos as vitaminas e os nutrientes perdidos.

Independentemente, a tricoscopia é o exame dos cabelos e do couro cabeludo e é realizado por médico dermatologista.

Com ele, as propriedades dos seus cabelos serão estudadas e analisadas, de modo a ser traçadas as intervenções mais adequadas e eficazes às suas reais necessidades.

Conclusão sobre o que fazer quando fios novos não crescem

Neste artigo, abordamos um pouco sobre os fatores desencadeantes e o que fazer quando fios novos não crescem.

Em alguns casos, tal fenômeno pode somente evidenciar um problema mais grave, como é o caso da calvície. Sendo assim, esses episódios merecem a sua atenção.

Cabe ressaltar a importância do tratamento e a opinião de um profissional, que pode levantar informações sobre as necessidades e propriedades dos seus fios e de seu couro cabeludo.

Esperamos que tenha gostado de nosso artigo a respeito de que fazer quando fios novos não crescem. Caso tenha restado qualquer dúvida, não se esqueça de nos deixar seu comentário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Busca

Recentes

Arquivos


Close