Por que parar de dormir com cabelos úmidos já

Você já deve ter ouvido, quando criança, dizerem para parar de dormir com cabelos úmidos, certo? Será que isso procede, ou é apenas uma crendice?

Bem, ter cuidados com os cabelos é uma maneira adequada de conservar a saúde e a beleza dos fios, mas existem fatores que devem ser evitados para que não acelerem processos que possam provocar danos aos cabelos.

Entre eles está o hábito de dormir com os fios sem secá-los totalmente.

Vamos apresentar motivos para parar de dormir com cabelos úmidos imediatamente.

Fatores que exigem parar de dormir com cabelos úmidos

Vários danos são provocados aos fios, o que só reforça a recomendação para que todas as pessoas parar de dormir com cabelos úmidos. Tudo para evitar que os problemas surjam ou se agravem.

 Veremos a seguir uma serie de danos que podem ser provocados se você não mudar esse hábito.

Surgimento de caspa

A caspa é um grave problema que afeta muitas pessoas, e aquelas que dormem com os cabelos úmidos podem agravar o surgimento desse mal.

Quando os fios estão úmidos e em contato com superfície como os travesseiros, onde os fios ficam em contato por longos períodos, é possível que surjam lesões e descamação da derme.

As caspas enfraquecem a raiz dos fios e são fatores que incentivam a queda em maior quantidade, além de provocaram um incômodo com surgimento de coceiras e de afetar a aparência da pessoa.

Enfraquecimento dos fios

Importante parar de dormir com cabelos úmidos, pois essa situação agrava o enfraquecimento dos fios, já tão afetados por fatores emocionais e distúrbios de alimentação e calor.

Ao abafar os fios úmidos, eles ficam mais fracos, ocorrendo uma maior elasticidade que compromete suas estruturas.

Com esse processo, os fios acabam se quebrando e caindo.

Surgimento de pontas duplas

Importante parar de dormir com cabelos úmidos pois os fungos que surgem do contato dos cabelos com o travesseiro, por longos tempos, impacta no enfraquecimento dos fios e assim ficam quebradiços, ocorrendo ainda o surgimento das pontas duplas.

Elas são o indício de que os cabelos estão se enfraquecendo, pois suas estruturas ficam comprometidas e partem os fios em diversos pontos, principalmente por se instalarem no couro cabeludo e assim atuarem no enfraquecimento da raiz dos fios.

Provocam irritação na pele

Importante parar de dormir com cabelos úmidos, pois a umidade acaba provocando irritações no couro cabeludo, principalmente para quem tem a pele oleosa e que é mais propensa ao surgimento de dermatites, com maior incidência nos períodos de frio.

Surgimento de caroços nos fios

Importante parar de dormir com cabelos úmidos, pois podem surgir carocinhos em suas estruturas que nada mais são que a reação do organismo para combater os fungos e assim tentar destruir o ataque ao corpo.

Couro cabeludo é intensamente afetado

A umidade dos fios provoca uma reação intensa ao couro cabeludo com a proliferação de fungos e bactérias que vão trazer muitos danos ao couro cabeludo e, por consequência, aos fios de cabelos.

Nesse caso, o próprio organismo cria um ambiente adequado para o surgimento de coceiras, dores e caspas. Isso leva à acentuação do enfraquecimento dos fios e a queda dos cabelos.

Surgimento da dermatite seborreica

Esse é um problema grave e que compromete de forma intensa a saúde dos cabelos, provocando lesões no couro cabeludo e enfraquecimento dos fios.

A umidade do cabelo demora mais tempo para que o couro cabeludo seque totalmente e assim os fungos podem afetar mais intensamente a região, provocando a doença e o comprometimento dos cabelos e couro cabeludo.

Aumenta a quantidade de fios embaraçados

Cabelos úmidos em contato com o travesseiro provocam um aumento de fios embaraçados, provocado pela ação da umidade que faz com eles se grudem uns aos outros,

Formados os nós, os cabelos passam a ter maior dificuldade para serem penteados e se manterem alinhados, além disso a escovação provocará mais fricção, comprometendo a estrutura dos fios e provocando seu enfraquecimento.

Aumenta o desgaste dos fios

Ao dormir com os cabelos úmidos, os fios sofrem um processo de abrasão intensa e ocorre um desgaste em toda a superfície dos fios, gerando uma perda de sua composição estrutural e levando a enfraquecimento bastante intenso.

Nesse processo, o aumento da quebra e da queda de fios é inevitável.

Agora você sabe por que parar de dormir com cabelos úmidos

É importante parar de dormir com cabelos úmidos imediatamente para não trazer danos aos fios e também ao couro cabeludo, e todos esses são fatores que podem levar à calvície e provocar o desconforto com a aparência.

Se esse é o seu caso e você deseja disfarçar a perda de cabelos, é aconselhado recorrer a uma maquiagem capilar de qualidade.

Jet Hair é a melhor solução desse tipo de problema, e você pode descobrir mais informações sobre esse produto de disfarce da calvície acessando https://www.jethair.com.br/.

Deixe seu comentário, dizendo se você já teve algum problema, antes de parar de dormir com cabelos úmidos.  .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Busca

Recentes

Arquivos


Close